• Cidade da Bahia

Plataforma pública garante leitura em tempos de reclusão



Dentre as medidas disponibilizadas pela Prefeitura de Salvador para evitar a disseminação do novo coronavírus (Covid-19) e manter o isolamento social está a possibilidade de acesso gratuito a livros digitais, por meio da Fundação Gregório de Mattos (FGM). A plataforma digital foi criada em dezembro de 2018, sendo incrementada neste momento de crise. O site já recebeu cerca de 15 mil acessos desde que foi criado.


De acordo com a gerente de biblioteca e promoção da leitura do município, Jane Palma, o site disponibiliza um acervo com 110 livros acessíveis para o público. “A plataforma surgiu com o foco de conquistar os leitores digitais. Resolvemos utilizar as ferramentas digitais para conquistar o público. No site, é possível que a pessoa crie textos e publique para que outras pessoas também vejam”, conta Jane Palma.



Navegando pelo site, os leitores poderão encontrar diversos gêneros literários, como romance, conto, drama, crônica, poesia, história infantil e quadrinhos. Os livros podem ser acessados e lidos através do link www.caminhosdigitaisdaleitura.salvador.ba.gov.br. Quem tiver interesse em escrever e publicar livros deve fazer um cadastro no site.


“O site é bem simples e fácil de acessar. Tanto para publicar, como para buscar livros. Eu mesmo já publiquei livros solos de poemas, infantis e antologia de poetas de Salvador”, diz Valdeck Almeida, escritor, poeta e usuário da plataforma digital criada pela FGM.


Durante esses dias de distanciamento social, Valdeck recomenda que, por questões de saúde pública, as pessoas cumpram as medidas determinadas pela Prefeitura e aproveitem para se distrair lendo mais livros. “Nesse momento, precisamos nos distrair. Ao acessar o site, sugiro que as pessoas leiam os livros sobre a capoeira e conheçam um pouco sobre a origem da história”, recomenda.


*Fonte Secon Salvador

Receba nossas atualizações

  • Cidade da Bahia
  • Ícone do Facebook Branco

© 2019 por Escriba Comunicação & Consultoria. Criado com Wix.com