• Cidade da Bahia

Novas técnicas ajudam a limpar praias de Salvador


A força-tarefa para a retirada das manchas de petróleo nas praias de Salvador, montada pela Prefeitura, através da Empresa de Limpeza Urbana (Limpurb), está focada agora na retirada dos fragmentos que ficaram sob as pedras e na areia, com uso de máquina com peneiras puxadas por um trator, equipamento que separa os pequenos resíduos e devolve a areia limpa ao lugar de origem.


O trator com peneira está fazendo a limpeza na faixa de areia das praias de Ipitanga, Praia do Flamengo, Stella Maris, Itapuã, Piatã, Boca do Rio, Jardim de Alah, Pituba, Amaralina e Barra. A Limpur utiliza ainda jato de pressão que mistura água e areia para a remoção do petróleo nas pedras e peneiras manipuladas manualmente pelos agentes para a retirada de partículas em locais onde não há acesso a veículo.


Nesta terça-feira (22) a Prefeitura também anunciou o aumento de cerca de 400 para 600 o número de trabalhadores trabalhando na limpeza do óleo nas praias, além de 16 caminhões e três tratores usados pelas equipes para a retirada do material. Todo óleo recolhido pela Limpurb está em um depósito temporário na sede do órgão até que as autoridades competentes decidam pelo destino final do material.


Até segunda-feira (21), a Limpurb recolheu 100 toneladas de óleo das praias de Salvador. Desde a última sexta-feira (18), não foi registrada a chegada de novas manchas. As equipes estão trabalhando na retirada de vestígios e fragmentos do que ainda restou nas pedras e areia. As praias mais atingidas foram Pedra do Sal (Itapuã), Stella Maris, Praia do Flamengo (Pipa), Pituba e Amaralina.


De quinta (10) até a terça-feira (15), havia chegado apenas 37 quilos de óleo na costa soteropolitana. As manchas atingiram as praias de Salvador com maior força na quarta e na quinta-feira (17), quando juntos contabilizaram um total de 80 toneladas e 120 quilos.


Ao todo, as praias atingidas foram: Ipitanga, Praia do Flamengo, Stella Maris, Itapuã, Piatã, Placaford, Patamares, Boca do Rio, Jardim de Alah, Jardim dos Namorados, Pituba, Amaralina, Ondina, Cristo e Farol da Barra. Não houve registro de presença do óleo nas praias do Subúrbio e Ilhas de Salvador.


*Fotos Públicas/Secom/Salvador

Receba nossas atualizações

  • Cidade da Bahia
  • Ícone do Facebook Branco

© 2019 por Escriba Comunicação & Consultoria. Criado com Wix.com