• Cidade da Bahia

Investimentos em Salvador criarão empregos no pós-pandemia



O prefeito ACM Neto antecipou nesta sexta-feira, 10 de julho, alguns pontos das diretrizes do plano que vai estimular a economia de Salvador no momento de retomada e após a pandemia do novo coronavírus. No total, serão cem ações, apresentadas com mais detalhes nos próximos dias, envolvendo diversas áreas, a exemplo da tributária, infraestrutura e mobilidade e geração de empregos por meio de investimentos privados.


"Teremos investimentos pesados na área de infraestrutura via financiamentos junto ao governo federal e operações de crédito internacionais. Também faremos anúncios importantes de novos empreendimentos privados articulados pela Prefeitura que vão gerar pelo menos 30 mil empregos em Salvador. Haverá, ainda, o viés do ordenamento para melhorar a mobilidade na pós-pandemia, com ampliação de ciclovias e ciclofaixas e ampliação das calçadas e passeios para tentar aliviar a busca pelo transporte público. Além disso, na retomada, bares e restaurantes poderão, com ordenamento, ocupar mesas nas calçadas, o que nos dará uma segurança maior", revelou.


Duas dessas medidas já foram anunciadas: a emissão de certidões negativas de débito junto ao município para as empresas que estavam adimplentes até 15 de março, mesmo que tenham mudado de condição após essa data, e a prorrogação do pagamento do IPTU de agosto para dezembro, beneficiando 29 mil pessoas jurídicas, segundo os cálculos da Secretaria Municipal da Fazenda (Sefaz).


O prefeito afirmou que o plano terá estratégias específicas na área urbana e também no turismo, além do estímulo ao setor de tecnologia e medidas de sustentabilidade. Em paralelo, haverá um pacote com ações sociais. Para que tudo isso seja possível com a reabertura da economia e de outros setores, o município continuará na estratégia de ampliação do número de leitos de UTI para pacientes com a Covid-19.


"Esperamos no início da semana que vem já apresentar os respiradores que serão destinados ao hospital de campanha montado pelo governo do Estado na Arena Fonte Nova. Serão 25 respiradores recebidos pela Prefeitura que serão repassados ao Estado. Já foi aprovada a solução que permite à Prefeitura transferir recursos diretamente ao governo e assegurar a implantação desses leitos", concluiu ACM Neto.

Receba nossas atualizações

  • Cidade da Bahia
  • Ícone do Facebook Branco

© 2019 por Escriba Comunicação & Consultoria. Criado com Wix.com