Receba nossas atualizações

  • Cidade da Bahia
  • Ícone do Facebook Branco

© 2019 por Escriba Comunicação & Consultoria. Criado com Wix.com

  • Cidade da Bahia

Estreias e homenagens ao circo no Gamboa Nova


Em agosto, mês do folclore, o Teatro Gamboa Nova oferece uma intensa programação – quase todas a preços módicos de R$ 20 e R$ 10 – e prossegue, dentro do projeto Se Mostra Interior, parceria com o Funceb, valorizando as manifestações culturais de todo o estado da Bahia. Um exemplo é a própria capa da programação, xilogravura assinada por Janete Lainha, presidente da Casa de Cultura Popular de Ilhéus e autora de mais de 800 cordéis publicados retratando e contando casos da riqueza cultural do interior do estado.


Antes de cada apresentação no teatro, de 01 a 31 de agosto (quartas a domingos) haverá a projeção de “pílulas audiovisuais” como parte da Campanha Valorize o Circo. É o resultado do trabalho do Núcleo de Artes Circenses da Funceb, realiza em parceria DIMAS, desde 2017, com uma série de entrevistas com circenses a fim de preservar e homenagear a memória viva do circo baiano. O circo também estará representado no espetáculo “Consolo, Um solo de Contação Femino-Circense” , de Alice Cunha.


CONFIRA A PROGRAMAÇÃO:


Exposição Corpos, Míticas Atualizações, de Aureo Augusto. De 01 a 31 de agosto- das 16h às 19h (qua a sab) e 15h às 17h (dom). Gratuito. Segundo mês da mostra de pinturas deste criativo médico, artista e escritor residente da Chapada Diamantina, que tem em suas obras um olhar mítico sobre os corpos, explorado em acrílico sobre tela, papel aquarela, madeiras prensadas, que adquirem formas sensíveis e poéticas.


Peça Major Oliveira, solo de Antônio Fábio, Cia Casamento Aberto. Dias 01, 02, 08, 09, 15, 16, 22, 23, 29 e 30 de agosto (quintas e sextas), às 19h. R$ 20 (inteira), R$ 10 (meia). A peça narra a história de um major abandonado no asilo pelos filhos logo após a instalação da Comissão da Verdade no Brasil. Ao perceber que seu corpo, sua família e a política do país não são mais controladas por ele, se coloca em teste, resolvendo perturbar a paz daqueles que o visitam na manhã de domingo, onde o espetáculo se passa. Classificação: 16 anos.


ConFabulAções, da Cia. Buffa de Teatro. Dias 03, 10 e 17 de agosto (sábados), às 19h, e dias 04, 11 e 18 de agosto (domingos), às 17h. Ingressos R$ 20 (inteira), R$ 10 (meia). A montagem elege a bufonaria como linguagem para tratar sobre violências e imposições sofridas por mulheres. Quatro bufonas, representadas por Andréa Rabelo, Diana Ramos, Leila Kissia e Joice Aglae, usam de todas as formas do riso, da alegoria e do grotesco para discutir a questão. Classificação 14 anos.


Soma-Afrontamento, do Coletivo João Ninguém. Dias 14, 21 e 28 de agosto (quartas), às 19h. Ingressos R$ 20 (inteira), R$ 10 (meia). Espetáculo multissensorial, forte, doce, poético, que aborda temas como filosofia, história, política, racismo, machismo, homofobia, o extermínio do jovem negro, além de empoderamento, liberdade de expressão e a democracia. Classificação 15 anos. Contato (71) 98749 5292.


Consolo, Um solo de Contação Femino-Circense, de Alice Cunha. Dia 24 de agosto (sábado), às 19h, e 25 de agosto (domingo) , às 17h. Ingressos a R$ 20 (inteira), R$ 10 (meia). Um espetáculo multilinguístico, concebido como um grande ritual. Em cena a aerialista e atriz Alice Cunha, apresenta dois aparelhos aéreos, um deles originalmente criado para o espetáculo, para contar histórias tão fantásticas quanto reais e que nos levam a mergulhar no universo profundo da psique feminina. Classificação livre.


Show Água Clara, Duo LuS. Dia 7 de agosto (quarta), às 19h. Ingressos R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia). Parceria entre Luisa Meirelles e Luciana Viana, que traz como fio condutor o elemento água, seu som e sua força, os encontros e a volatilidade deste elemento, sua beleza e fecundidade, enfim sua capacidade de transformar o entorno e a si mesmo. O repertório é formado, quase inteiramente, por canções inéditas de autoria das artistas.

Show Apuama. Dias 31 de agosto (sábado), às 19h. Ingressos R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia). Apresentação com base np disco lançado em 2018, composto por um repertório de canções do grupo, entre autorais e releituras de compositores como Sérgio Sampaio, Raimundo Sodré, Baden e Vinicius. Une a música nordestina, elementos do flamenco, rock, reggae e funk. Com Marcelo Maia, Marcelo Fonseca, Léo Jesus, Zé Livera e Taciano Vasconcelos.