• Cidade da Bahia

Estado e Prefeitura oficializam suspensão do Carnaval de Salvador



Este ano certamente não vai ser igual aquele que passou. O Governo da Bahia e a Prefeitura de Salvador bateram o martelo nesta terça-feira, 26 de janeiro, decretando que não haverá ponto facultativo na segunda e terça de Carnaval de 2021. A medida, adotada para conter o avanço da Covid-19, já era esperada. Já a festa de Iemanjá no Rio Vermelho, dia 2 de fevereiro, deverá seguir as mesmas restrições adotadas na Lavagem do Bonfim, sem a participação de grupos organizados, limitação ao comércio de bebidas e bares e restrição ao acesso de pessoas.


Um decreto estadual de 1981 estabelece como ponto facultativo a segunda, terça e quarta-feira (até meio-dia). Entretanto, em 2021, em razão da pandemia e do cancelamento da festa em fevereiro, o Estado e a Prefeitura da capital entendem que não há motivo para decretar ponto facultativo nos dias mencionados acima. Com essa decisão, o poder público pretende desestimular a ocorrência de qualquer evento que possa gerar aglomeração e influenciar no aumento do número de vítimas da Covid.


O prefeito Bruno Reis ressaltou que a medida segue a estratégia adotada desde o início da pandemia, seguindo as recomendações das autoridades sanitárias e tendo como prioridade salvar vidas. "Já temos uma luz no fim do túnel: a vacina. Mas, enquanto não houver a imunização de todos, precisamos evitar aglomerações, redobrar os cuidados com a higiene e usar máscaras. Graças a Deus, ao trabalho das nossas equipes e à conscientização da população, estamos muito próximos de vencer a batalha contra a Covid-19 e virar essa página da nossa história, voltando à normalidade com total segurança”, declarou.


Então tá combinado, nós vamos brincar separados.

0 comentário